Previous Next

Que teus olhos, Menino, ensinem largueza
e altura aos meus olhos

Que teus olhos curem os meus
da fadiga e dos seus filtros

Que teus olhos desimpeçam a visão
fragmentária, parcial e indecisa

Que teus olhos devolvam aos meus olhos
o vento azul da viagem e a sua alegria

 

 

Devolvam o real como anel aberto
em vez dos círculos obsidiantes e fechados

Devolvam o aberto como imagem
e programa

Que teus olhos, Menino, ensinem aos meus
o seu natal

                                                      José Tolentino Mendonça

   Nativity tree
 
       

 

DESTAQUES... 


 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


LIGAÇÕES EXTERNAS 


Confhic   Província de S.ta M.ª   Ministério da Educação   Agência Ecclesia   Passo a rezar   Com o apoio de
Confhic
 
Prov Sta Mª
 
MEC
 
logo ecclesia 
 
passo a rezar
 
banner informatica

Please publish modules in offcanvas position.